Manifesto por uma Escola sem Machismo

Na qualidade de docentes da Educação Básica e Superior, comprometidas com uma educação plural, pautada nos princípios democráticos, subscrevemos este manifesto, afirmando nossa posição contrária aos projetos de lei que tratam a questão de gênero como ideologia e propõem a exclusão deste tema do universo escolar.

Esclarecemos que o termo “gênero” não é uma ideologia, mas um conceito utilizado em diversas áreas do conhecimento para o entendimento da diversidade e o combate à violência causada pela intolerância. Esse debate é essencial para a consolidação de uma educação que se paute pelo respeito às diferenças.

Os grupos sociais, políticos e religiosos que tratam a questão de gênero como ideologia apregoam uma ideia equivocada do termo, além de se basearem em suposições preconceituosas sobre temas como família e sexualidade, orientando-se por visões limitadas e etnocêntricas que não respeitam a alteridade. Os estudos de gênero não querem impor padrões ou formas de ser homem ou mulher em sociedade. Pelo contrário, tais estudos buscam compreender a diversidade existente na construção das identidades, ao mesmo tempo em que expõem a reprodução das relações assimétricas de poder, expressas em manifestações violentas do machismo e da homofobia.

Projetos de lei que visam à proibição das abordagens pedagógicas sobre gênero no sistema educacional brasileiro devem ser considerados uma afronta à democracia e aos objetivos fundamentais da República, expressos na Constituição Federal de 1988, no inciso IV do artigo 3º: “promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.”

Essas iniciativas legislativas ferem ainda os princípios que norteiam a Educação Nacional, expressos na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB/ 1996) que, em seu artigo 3º, garante: “II – liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar a cultura, o pensamento, a arte e o saber; III – pluralismo de ideias e de concepções pedagógicas; IV – respeito à liberdade e apreço à
tolerância”. A LDB/1996 determina, ademais, a inclusão nos currículos escolares de conteúdos relativos aos direitos humanos e à prevenção de todas as formas de violência contra a criança e o adolescente, orientada pelo Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei no 8.069, de 13 de julho de 1990). Cabe destacar que, desde 1997, os Parâmetros Curriculares Nacionais do Ensino Fundamental já tratavam a Orientação Sexual como um dos temas transversais, fundamentais para a democracia e a cidadania.

Tais iniciativas que pretendem coibir o debate sobre gênero, presentes em diversas casas legislativas do país, integram, na verdade, um projeto político de poder autoritário e fundamentalista, que busca eliminar o contraditório, negando a pluralidade humana, as liberdades sexuais e a autonomia dos sujeitos do processo educacional brasileiro. Assim, consolidam-se como um discurso que nega a alteridade, eliminando da prática pedagógica a reflexão e a construção de um pensamento autônomo. Da mesma forma, desconsideram um campo de pesquisa acadêmica institucionalizado e formado por pesquisadores e pesquisadoras que fomentam debates interdisciplinares e orientadores de políticas públicas.

A escalada conservadora na educação, que se insere num processo mais amplo de disputa política dos rumos da sociedade brasileira, impõe retrocessos na formação sociocultural do povo brasileiro ao criminalizar o debate escolar sobre gênero. Obstrui também o envolvimento das instituições da educação na desconstrução das opressões relacionadas a gênero e sexualidade, tarefa urgente em nossa sociedade.

Como educadoras sensíveis às demandas da sala de aula, preocupa-nos o surgimento de iniciativas que estabelecem uma educação unilateral e autoritária, impondo a censura à prática docente.

Em busca de uma educação inclusiva e plural, pela liberdade de cátedra, pela autonomia pedagógica, pelo respeito às identidades de gênero, assinam este manifesto professoras do Coletivo Escola Sem Machismo:

Alania Magalhães – Professora da rede estadual de educação do Rio de Janeiro.
Alessandra Acras – Professora de História da rede estadual do Rio de Janeiro e da rede municipal de Macaé.
Alessandra Prata Cordova Gonçalves – Professora SEEDUC/ RJ.
Aline Borghoff Maia – Professora de Sociologia da rede estadual RJ.
Aline do Carmo – Professora do Colégio Pedro II.
Aline Fernandes Menezes – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Alinnie Silvestre – Professora das redes municipal e estadual de educação RJ.
Amãna Andrea Teixeira Vieira – Professora de Geografia licenciada pela UERJ-FFP.
Ana Beatriz Maia Neves – Professora da rede estadual de educação do RJ.
Ana Carla dos Santos Beja – Professora de disciplinas pedagógicas do IFRJ-Caxias.
Ana Carolina Rodrigues Ribeiro – Professora da rede estadual de educação do RJ.
Ana Paula Cruz Santiago – Professora de Educação Musical da rede municipal do Rio de Janeiro e professora de artes da FAETEC/RJ.
Ana Popoire – Professora de Ciências do munícipio do Rio de Janeiro.
Andressa Lacerda – Professora do CAp/UERJ.
Andreza Prevot – Professora de História da Rede Municipal de Educação do Rio – Centro de Educação de Jovens e Adultos da Maré.
Antonella Flavia Catinari – Professora aposentada do Colégio Pedro II – RJ.
Bárbara de Souza Fontes – Professora do Colégio Pedro II.
Bárbara Mendonça – Professora de Música do Município do Rio de Janeiro e Mestranda pesquisadora do Laboratório de Etnomusicologia da UFRJ.
Beatriz Arosa de Mattos – Professora de Sociologia do Colégio Pedro II – RJ.
Beatriz Corsino Perez – Professora do Departamento de Psicologia da UFF/ Campos dos Goytacazes.
Beatriz Gesteira – Professora da rede estadual do RJ e da rede privada de ensino.
Beatriz Petri – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Bruna Lucila de Gois Anjos – Docente da rede estadual de educação do RJ.
Camilla da Rocha Oliveira – Professora de Geografia do Município do Rio de Janeiro.
Carla de Medeiros Silva – Professora de História do IFRJ – campus Nilópolis.
Carla Hirt – Professora da rede municipal de Duque de Caxias.
Carla Martins – Professora da rede estadual de educação do Rio de Janeiro.
Caroline Araújo Bordalo – Professora de Sociologia do CEFET Maracanã.
Cátia Rocha – Professora de Filosofia da FAETEC/RJ.
Clarissa Tagliari Santos – Professora de Sociologia do Colégio Pedro II.
Claudia Bourseau – Professora da rede particular do Rio de Janeiro.
Claudia Pessi – Professora de Sociologia da rede estadual de educação do RJ.
Cláudia Regina Ribeiro – Professora de Saúde Coletiva da UFF.
Claudia Verônica Maia Neves – Professora da rede municipal de Osasco/SP.
Cristiane de Sousa Mota Adiala – Professora de Geografia do Colégio Pedro II.
Cristina Guimarães de Miranda – Professora da rede estadual de educação do RJ.
Daiana Crús Chagas – Professora da rede estadual do Rio de Janeiro e da Escola Politécnica Joaquim Venâncio/FioCruz.
Daiane Evangelista da Silva – Professora de Turismo – FAETEC/RJ.
Daniela da Cunha Rabello Meirelles – Professora de Português do Estado do Rio de Janeiro e da Prefeitura de São Gonçalo.
Danyele Vianna Barboza – Professora do Departamento de Geografia do Colégio Pedro II (Campus Niterói) e da Rede Municipal Duque de Caxias.
Deborah da Costa Fontenelle – Professora de Geografia no CAp-UERJ.
Eduarda Daudt da Silva – Professora de História SEEDUC-RJ.
Elaine Corrêa Barbosa – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Elizabeth Gonçalves Antunes Cabanez – Professora da rede estadual e municipal do Rio de Janeiro.
Erika Arantes – Professora de Ensino de História da Universidade Federal Fluminense (Campos).
Érika Lourenço de Menezes – Professora de Desenho do Colégio Pedro II.
Fabiana Rodrigues de Souza – Professora de Língua Portuguesa da rede estadual do Rio de Janeiro
Fabrícia Costa Corrêa – Professora de Geografia da rede estadual de educação do Rio de Janeiro e da rede municipal de São Pedro da Aldeia.
Fátima Ivone Ferreira – Diretora de Pós-graduação do Colégio Pedro II.
Flávia Moraes da Silva – Professora da rede municipal do Rio de Janeiro.
Fernanda de Oliveira Amante – Professora de Geografia do Colégio Pedro II, RJ.
Gabriela Buscácio – Professora de História das redes municipais de Duque de Caxias e Rio de Janeiro.
Gabriela de Lima Cuervo – Professora de Sociologia da SEEDUC/RJ.
Gisele Chagas – Professora de Antropologia da Universidade Federal Fluminense.
Giselle Monteiro – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Gisele Pereira da Silva – Professora de Língua Portuguesa na rede municipal da cidade do Rio de Janeiro.
Glauce Cortêz Pinheiro Sarmento – Professora das disciplinas pedagógicas do IFRJ.
Glória Viana de Oliveira – Professora do Colégio Pedro II.
Hayla Thami Lage – Professora de português do IFRJ – São Gonçalo.
Helen dos Santos Lázaro – Professora da rede estadual do Rio de Janeiro.
Inny Accioly – Professora da Faculdade de Educação da UFRJ.
Jessica Bretas – Professora de História / SME-RJ.
Joana Tolentino – Professora do Colégio Pedro II.
Joice Silviano – Professora da rede estadual de educação do Rio de Janeiro.
Joyce Palha Colaça – Professora da Universidade Federal do Sergipe.
Júlia Monnerat Barbosa – Professora de Ensino de História da Universidade Federal do Amapá.
Juliana de Souza Mariano – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Juliana Lira – Professora de Filosofia do Colégio Pedro II.
Katsue Hamada Zenun – Socióloga e Assessora em formação continuada em SP.
Kelly Amaral – Professora de História da rede municipal do Rio de Janeiro.
Kelly Pedroza Santos – Professora de Sociologia do Colégio Pedro II, Rio de Janeiro.
Lethicia Ouro Oliveira – Professora do Colégio Pedro II (Niterói).
Lia Rocha – Professora do departamento de Sociologia da UERJ e presidente da ASDUERJ.
Leticia Bezerra de Lima – Professora de Sociologia do CEFET-RJ, campus Valença.
Lidiane Rocha do Nascimento – Professora da rede estadual de educação do RJ.
Lídice de Barros Guerrieiro – Docente SEEDUC/RJ e FAETEC.
Luana Ferreira Correia – Professora de Geografia da Rede Municipal do Rio de Janeiro, Mestranda do curso de Geografia e Meio Ambiente da PUC-Rio.
Luana Mayer – Professora e mestranda em História da PUC-Rio
Lúcia Fajardo Lopes – Professora de Português da rede estadual de educação do Rio de Janeiro.
Luciana Helena Monsores – Professora de Educação Infantil do Colégio Pedro II.
Luciana Lombardo – Professora de História da PUC-Rio.
Luciana Pereira – Professora I na E.M.Padre Leonel França, E.M.Helena Antipoff e Centro Educacional de Niterói.
Luciana Viegas – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Luna Ribeiro Campos – Professora de Sociologia, rede estadual e Colégio Pedro II.
Manoela Pedroza – Professora de História da UFRJ.
Margarete Braga de Oliveira – Professora de Educação Artística da rede estadual do RJ.
Maria Clara Fernandes – Professora da FAETEC/RJ.
Maria Cristina Esteves Pereira – Professora de História da Rede Estadual/RJ.
Maria José Ferreira de Mello – Professora aposentada da rede estadual do RJ.
Maria Luiza Burdman Monteiro de Barros – Professora de Artes Cênicas do município do Rio de Janeiro.
Mariana Mello Souto Maior – Professora de Sociologia do IFRJ.
Marília Márcia Cunha da Silva – Professora de Sociologia do Colégio Pedro II.
Marina Cavalcanti Tedesco – Vice-chefe do Departamento de Cinema e Vídeo da Universidade Federal Fluminense.
Marta Cristina Soares Dile Robalinho – Professora da SME/RJ e SEEDUC/RJ.
Michele Batista Miranda – Professora da rede municipal do Rio de Janeiro.
Michelle Gomes Alonso Dominguez – Professora de Língua Portuguesa da UERJ.
Michelle Vieira Lopes dos Santos – Professora de Português do município de Magé.
Mirella Costalonga – Professora de Língua Portuguesa da rede municipal do RJ.
Miriam Leite – Professora da Faculdade de Educação da UERJ (Maracanã).
Mônica Araújo – Bolsista CAPES/PNPD – PPGA/UFPB.
Mônica Buarque – Professora de Sociologia da rede FAETEC/RJ.
Mônica Gonçalves – Docente de Artes da rede municipal do Rio de Janeiro.
Mônica Narciso Guimarães – Professora do Colégio Pedro II.
Nara Graciele Nery Mateus – Professora de Espanhol da rede particular do município do Rio de Janeiro.
Natália Braga de Oliveira – Professora de Sociologia do Colégio Pedro II.
Nathalia Nogueira Maringolo – Professora da rede estadual de educação de SP.
Patrícia Affonso – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Patrícia Chaves Carvalho – Professora da E. M. Narcisa Amália/SME RJ e do Colégio Estadual Professor Viera Fazenda/SEEDUC RJ.
Patrícia Costa Grigório – Professora de História SME/RJ.
Paula C. S. Menezes – Professora de Sociologia do Colégio Pedro II – Rio de Janeiro.
Rachel Romano Zeitoune – Professora da rede estadual de educação do RJ.
Raquel Simas – Professora do Colégio Pedro II.
Regina Célia Gonçalves – Docente do Departamento de História da Universidade Federal da Paraíba.
Rita de Cássia Ramos – Professora da rede estadual de educação do Rio de Janeiro.
Rita Freitas – Professora da Escola de Serviço Social da UFF.
Rosangela de Freitas – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Rosilane Ribeiro Maralhas – Professora das redes estadual e municipal do RJ.
Sarah de Campos de Macedo Costa – Professora de Geografia em escolas privadas, licenciada pela UFF.
Shirley Alves Torquato – Professora universitária da rede privada de ensino.
Silvia Barros – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Silvia Mello Souto Maior – Professora de Sociologia do IFRJ.
Silzane Carneiro – Professora da rede federal, Colégio Pedro II.
Simone Peres – Professora de Artes das redes públicas e privadas.
Soraya Sabah da Costa – Professora do Colégio Pedro II – Campus HII.
Stella Mendes Ferreira – Professora de Geografia do Colégio Pedro II.
Suellen Siqueira Julio – Professora de História do Colégio Pedro II.
Talíria Petrone Soares – Professora e Mestranda em História da UFF.
Tatiana Bukowitz – Professora de Sociologia do Colégio Pedro II.
Tatiana Tramontani Ramos – Professora do Departamento de Geografia da UFF-Campos.
Valéria Lopes Peçanha – Professora da rede federal, Colégio Pedro II.
Vandcleide Monteiro da Silva – Professora da SEEDUC-RJ.
Vanessa Telles – Professora de Geografia da SEEDUC-RJ.
Vanice da Silva Pereira Santos – Professora do Colégio Estadual Central do Brasil, SEEDUC-RJ.
Virgínia Cecília da Rocha Louzada – Professora da Faculdade de Educação da UERJ (Maracanã).
Viviane Gomes Ceballos – Professora de História da Universidade Federal de Campina Grande (Cajazeiras).
Viviane Mara Vieira Cardoso – Professora de Português do Colégio Pedro II.
Viviane Soares Fialho de Araújo – Professora do Instituto Federal do Rio de Janeiro.
Yasmim Ribeiro Mello – Professora de Geografia da Rede Municipal do Rio de Janeiro, Doutoranda PROURB/UFRJ e Pesquisadora do LEAU-PROURB/UFRJ.
Apoiam esse Manifesto:
ABA – Associação Brasileira de Antropologia.
ABECS – Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais.
Abong – Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais.
Anélia Pietrani – Professora de Literatura Brasileira da Faculdade de Letras da UFRJ e coordenadora do Núcleo Interdisciplinar de Estudos da Mulher na Literatura (NIELM)-FL/UFRJ.
Anita Handfas – Professora da Faculdade de Educação da UFRJ.
Antígona – Laboratório Antígona de Filosofia e Gênero da UFRJ.
ANPED – Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação.
ASDUERJ – Associação dos Docentes da Universidade Estadual do Rio de Janeiro.
Asplande – Assessoria & Planejamento para o Desenvolvimento.
Bernardo Fonseca Machado – Doutorando em Antropologia Social pela Universidade de São Paulo e pesquisador do grupo NUMAS (Núcleo dos Marcadores Sociais da Diferença).
Camp – Centro de Assessoria Multiprofissional.
CEAP – Centro de Educação e Assessoramento Popular.
Cedaps – Centro de Promoção da Saúde.
Cidadania Gay – Grupo Cidadania Gay – Niterói/RJ.
CLAM-IMS-UERJ – Centro Latino-Americano em Sexualidade e Direitos Humanos da UERJ.
Constantina Xavier – Coordenadora da ANPED – Centro-Oeste.
COLABOREH – Colaboratório de Educação e Humanidades do Colégio Pedro II, Campus Humaitá II.
Cristina Scheibe Wolff – Professora do Departamento de História da UFSC e coordenadora do Laboratório de Estudos de Gênero e História (LEGH).
Elos – Núcleo de Estudos e Ações em Gênero e Sexualidade do Colégio Pedro II.
Fabiane Santana Previtali – Professora da Faculdade de Educação da UFU.
Francirosy Campos Barbosa – Pós-doutoranda da Universidade de Oxford, doutora em Antropologia, docente do Departamento de Psicologia, FFCLRP, USP e pesquisadora de Comunidades Muçulmanas em São Paulo.
Gabriela de S. Honorato – Professora da Faculdade de Educação da UFRJ, Chefe do Departamento de Fundamentos da Educação e pesquisadora do Laboratório de Pesquisa em Ensino Superior (LAPES/UFRJ) e do Laboratório de Pesquisa em Oportunidades Educacionais (LaPOpE/UFRJ).
GDN – Grupo Diversidade Niterói.
GTN – Grupo Transdiversidade Niterói.
IDhES – Instituto de Estudos Jurídicos de Direitos Humanos, Econômicos, Sociais, Culturais e Ambientais.
IEG – Instituto de Estudos de Gênero da Universidade Federal de Santa Catarina.
Jamil Cabral Sierra – Coordenação do Eixo 18 – Gênero, Sexualidade e Educação na ANPED – SUL.
LabHum – Laboratório de Humanidades do Colégio Pedro II, Campus Niterói.
LabES – Laboratório de Ensino de Sociologia Florestan Fernandes da UFRJ.
Laboratório LBR – Laboratório de Sociologia Lincoln Bicalho Roque do Colégio Pedro II, Campus SCIII.
LAEDH – Laboratório de Educação em Direitos Humanos do Colégio Pedro II.
LESOC – Laboratório de Ensino de Sociologia do INCIS/UFU.
LIEGS – Laboratório Interdisciplinar de Estudos de Gênero e Sexualidade do IFRJ, campus Maracanã.
Maria Filomena Gregori – Professora de Antropologia da Unicamp e pesquisadora associada do Pagu – Núcleo de Estudos de Gênero da Unicamp.
Maria Rita de Assis César – Coordenação do GT23 – Gênero, Sexualidade e Educação da ANPED Nacional.
Michele Escoura – Doutoranda em Ciências Sociais – Estudos de Gênero pela UNICAMP e pesquisadora do Núcleo de Pesquisas sobre Marcadores Sociais da Diferença – NUMAS/USP
Nivia Valença Barros – Professora da Escola de Serviço Social – UFF, Coordenadora do Núcleo de Pesquisa sobre Direitos Humanos e Cidadania e coordenadora do Programa UFF Mulher.
NEG – Núcleo de Estudos de Gênero da UFPR.
NUTH – Núcleo Transdisciplinar de Humanidades do Colégio Pedro II, Campus Engenho Novo II.
OLÉ – Observatório da Laicidade na Educação.
Príscila Carvalho – Professora da UFRJ e pesquisadora do Laboratório Antígona de Filosofia e Gênero – UFRJ.
Rita Freitas – Professora da Escola de Serviço Social da UFF. Coordenadora do Núcleo de Pesquisa Histórica sobre Proteção Social/Centro de Referência Documental ESS/UFF.
Rodrigo Rosistolato – Professor da Faculdade de Educação da UFRJ.
SEPE/RJ – Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação do Rio de Janeiro.
SINDSCOPE – Sindicato dos Servidores do Colégio Pedro II.
SINASEFE – Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: